samambaia africana Bolbitis heudelotii

Samambaia Africana (Bolbitis heudelotii)

A Samambaia Africana (Bolbitis heudelotii) é uma planta que possui crescimento lento, no entanto, se desenvolve bem com a adição de CO2. Se utilizá-lo, por exemplo, as folhas ficarão maiores e bem mais vistosas.

Procure colocá-la no meio ou no fundo do aquário, pois elas costumam chegar aos 40 cm de altura. Além disso, não devem ser enterradas no substrato, mas sim que seu rizoma seja amarrado em algum tronco ou rocha.

Ficha Técnica

Nome: Samambaia Africana

Nome Científico: Bolbitis heudelotii

Família: Lomariopsidaceae

Distribuição Nativa: África

pH: Manter o pH da água entre 5.0 e 7.0

Comprimento: Pode chegar até 40 cm de altura.

Temperatura: 20°C a 30°C

Características

Local para Plantio:  Procure plantá-la, sobretudo, no meio ou no fundo do aquário.

Utilização de CO2: Não

Fertilização Líquida: Não precisa, porém, pode se desenvolver melhor com a adição.

Intensidade da iluminação: A espécie não requer muita luz, então uma luz de fraca à média já é suficiente para ela.

Substrato Fértil: Não

Crescimento: Lento, mas melhora com a adição de CO2.

Utilização na montagem: Utilize a Samambaia Africana (Bolbitis heudelotii) no fundo do aquário e, em alguns casos, na região do meio, entretanto, elas devem ser amarradas em troncos ou rochas para que possam crescer. Lembre-se de nunca enterrar seu rizoma.

Veja também:

Propagação: A Samambaia Africana se reproduz através do corte do rizoma, portanto, quando quiser cortá-la e colocar em outro lugar no aquário, apenas corte um rizoma que já contenha algumas folhas e adicione em outro local.

Referências Bibliográficas

  Bolbitis heudelotiiAquarium World. Federation of New Zealand Aquatic Societies (FNZAS). Retrieved 5 Nov 2016.

Compartilhe este post

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *